Obra de Picasso é queimada para ser transformada em NFT

Obra de Picasso é queimada para ser transformada em NFT

Escrito em 23/07/2021

Grupo comprou a obra, um rascunho do artista, por US$ 20 mil em um leilão na Christie's em abril e agora está leiloando a versão em NFT da obra que foi destruída pelo fogo mas que manteve traços do desenho

Uma atitude bastante controversa do coletivo Unique One deu o que falar! Na semana passada, integrantes do grupo divulgaram um vídeo em suas redes sociais no qual queimavam a obra Fumeur V, criada por Pablo Picasso em 1964. O trabalho do artista espanhol foi adquirido na casa de leilões Christie’s em abril deste ano, por aproximadamente US$ 20 mil, com o objetivo de ter um NFT criado especialmente para ela. Mas o grupo decidiu ousar e, ao invés de apenas criar o token, decidiu queimar a peça para “eterniza-la no blockchain”.

Desta forma, foram criadas duas peças em NFT, “The Burned Picasso 1”, correspondente à peça inteira, e “The Burned Picasso 2”, correspondente à obra queimada, que manteve traços do desenho original de Picasso. Elas serão leiloadas em um site especial criado pelo coletivo, o Unique One Art Marketplace. O lance pelo NFT da obra que foi destruída, que já está disponível na plataforma até 30 de julho, está em $1005, ou 0.5 WETH (em criptomoeda), por ora.