MAHKU na Casa de Cultura do Parque

MAHKU na Casa de Cultura do Parque

1300 Av. Prof. Fonseca Rodrigues Alto de Pinheiros

A partir de Sábado, 2 Julho 2022 às 15:00 até Segunda-feira, 19 Setembro 2022 às 01:00

A Casa de Cultura do Parque, em parceria com a Carmo Johnson Projects, apresenta a primeira exposição do Movimento dos Artistas Huni Kuin (MAHKU) em território nacional. Parte do II Ciclo Expositivo 2022 da Casa, a exposição MAHKU - Cantos de imagens tem curadoria de Ibã Huni Kuin e Daniel Dinato, apresentando uma seleção de onze pinturas e uma grande instalação da artista Kássia Borges - MAHKU, que será montada junto ao público durante a abertura da mostra.
    RUA PROF. FONSECA RODRIGUES, 1300 – ALTO DE PINHEIROS – SÃO PAULO F 11 3811 9264 CCPARQUE.COM

  O MAHKU é um coletivo de artistas e pesquisadores Huni Kuin, povo indígena de cerca de 14 mil pessoas que vive no estado do Acre e no Peru. O grupo é composto atualmente por Ibã Huni Kuin, Kássia Borges, Pedro Maná, Cleiber Bane e Acelino Tuin. Fundado em 2012, no município de Jordão, no estado do Acre, o coletivo é um desdobramento das pesquisas de seu fundador, Ibã Huni Kuin, sobre os cantos huni meka (os cantos que conduzem os rituais com ayahuasca1 entre os Huni Kuin). Sua investigação de retomada dos cantos resultou no livro “Nixi pae, o espírito da floresta” de 2006. Três anos depois, em 2009, seu filho Bane começou a desenhar esses cantos. Segundo ele conta, era mais fácil decorar as letras e compreender os cantos ao transformá-los em imagens. Bane criou assim um método de aprendizagem dos huni meka que foi posteriormente coletivizado e transformado no MAHKU.